Nossas Operações

Atualmente, contamos com 16 instalações, duas das quais são unidades de processamento de proteínas localizadas em Rosário e Pilar, na Argentina, e 14 plantas de abate e desossa estrategicamente localizadas nas seguintes cidades da América do Sul: Assunção, San Antonio e Belén, no Paraguai; Rosário, Berazategui, Colonia Caroya, Pilar e Venado Tuerto, na Argentina; Melo, Canelones e Montevidéu, no Uruguai; e Ciénaga de Oro, na Colômbia. Além disso, atualmente temos cinco centros de distribuição localizados nas seguintes cidades: Santiago e Concepción, no Chile; Pilar, na Argentina; Assunção, no Paraguai; e Bogotá, na Colômbia. Nossas instalações estão posicionadas próximas aos portos de onde transportamos nossos produtos. Nossa presença geográfica nos permite exportar nossos produtos para uma ampla gama de mercados, incluindo os Estados Unidos, China e Hong Kong, entre outros.

Esta diversificação geográfica é um aspecto essencial da nossa estratégia, a qual, a nosso ver, nos permite:

(1) beneficiarmo-nos de pastagens abundantes, reduzindo nossa dependência de commodities agrícolas para a alimentação do gado, reduzindo assim nossa exposição a variações nos preços de combustíveis e grãos (principalmente milho e soja);

(2) minimizar nossos custos de aquisição de matéria-prima;

(3) minimizar o risco e a propagação de doenças entre os nossos bovinos.

Além disso, nossa presença diversificada na região nos possibilita usar adequadamente os instrumentos de gestão de risco para mitigar ainda mais os riscos inerentes ao nosso negócio.

Esses fatores, combinados ao trabalho de nosso departamento de pesquisa e desenvolvimento, nos permitem produzir produtos personalizados e de alto valor agregado para atender às necessidades de nossos clientes no segmento de food service, que, nos últimos anos, registrou maiores taxas de crescimento em nossos mercados na América do Sul e Ásia.

Acreditamos que administramos uma rede logística eficiente usando vários canais de distribuição, que nos permitem alcançar um amplo espectro de consumidores, tanto no mercado interno quanto no de exportação. Nosso foco é atingir varejistas de pequeno e médio porte e clientes de serviços de alimentação, o que nos possibilitará obter margens mais altas. Confiamos que nossa infraestrutura logística diversificada nos proporciona a flexibilidade necessária para nos beneficiarmos das flutuações na demanda e nos preços, contribuindo para nossa estratégia de maximização de margens.

Na América do Sul, oferecemos um conceito de “balcão único”, com vários tipos de produtos perecíveis congelados ou resfriados produzidos e vendidos por nós ou fornecidos por terceiros (incluindo, mas não se limitando a, aves, carne de porco, peixe, batatas fritas e legumes congelados). Nos concentramos em varejistas de pequeno e médio porte e clientes de serviços de alimentação em todas as nossas redes de distribuição no Paraguai, Argentina, Chile e Colômbia, através de nossa extensa rede comercial, que conta com mais de 60.000 pontos de vendas. Acreditamos que essa estratégia resulta na maior fidelidade de nossos clientes e amplia o alcance de nossos produtos.

Nossos Pontos Fortes

Gestão de Riscos Eficiente

Investimos de acordo com um plano estratégico definido, concentrado em plataformas de produção em países da América do Sul com baixo risco sanitário. Nossas unidades de processamento estão estrategicamente localizadas no Paraguai, Argentina, Uruguai e Colômbia. A diversificação geográfica é uma ferramenta importante para mitigar riscos sanitários e reduzir a concentração da nossa base de fornecedores.

Ao longo dos anos, aderimos a uma política conservadora de gestão de risco, que é definida pelo nosso “Beef Desk”, um grupo de executivos, gerentes e analistas operacionais que se reúnem diariamente para tomar decisões operacionais e comerciais importantes. Em tais reuniões diárias, a Beef Desk considera nossos riscos e oportunidades de curto e longo prazo, a fim de maximizar nossas margens com base nas condições de mercado.

vendas de produtos e rede de distribuição internacional; (ii) nossa estratégia para mitigar os impactos financeiros da exposição a diferentes fatores de risco na indústria de proteínas; (iii) nosso objetivo de maximizar os resultados de vendas; e (iv) nossas estratégias para aprimorar a redução no ciclo de conversão de caixa. Os membros dos seguintes departamentos participam dessas reuniões semanais: compra de gado, logística, comércio interno, exportações comerciais e pesquisa de mercado. As “Choice Meetings” são reuniões semanais que consideram diversas variáveis importantes para vendas locais e distribuição internacional, incluindo custos logísticos, variações cambiais, demanda, diferenças de preços entre cortes nos mercados doméstico e internacional, impostos e mão-de-obra direta, entre outros. As decisões tomadas nas Choice Meetings abordam o impacto comercial sobre nossa estratégia de gado, gerenciamento de estoques, gerenciamento de riscos cambiais, gestão de commodities, estratégia comercial e gerenciamento de fluxo de caixa, entre outros.

Temos operações altamente diversificadas

Somos o mais diversificado player da indústria de carne bovina e seus derivados na América Latina no que diz respeito à diversidade geográfica. Nossas 16 instalações, das quais duas são unidades de processamento de proteínas localizadas na Argentina e 14 são plantas de abate e desossa localizadas no Paraguai, Argentina, Uruguai e Colômbia, estão geograficamente espalhadas e localizadas próximas aos portos de onde transportamos nossos produtos. Essa dispersão geográfica nos ajuda a gerenciar os riscos sanitários e ampliar nossa rede de fornecedores, composta por uma base de aproximadamente 17.000 pecuaristas, que se concentra em atender pequenos e médios produtores. Nossas instalações de processamento também estão localizadas perto de nossos fornecedores de gado (a uma distância média de 300 quilômetros).

Logística de Distribuição Eficiente e Integrada

Acreditamos que nosso sistema de logística de distribuição eficiente e integrado nos permite atingir os mercados mais atraentes e nos proporciona flexibilidade para aproveitar as mudanças na demanda de produtos e preços de gado, concentrando-nos em aumentar nossas vendas de produtos com margens mais altas.

Nossa rede de logística para exportação – que inclui armazenamento privado, serviços de transporte e seguros de terceiros – e nosso forte relacionamento com os armadores nos trazem a eficiência operacional necessária para garantir a entrega pontual de nossos produtos de alta qualidade. Exportamos a maior parte dos nossos produtos com base em custo, seguro e frete, ou CIF, utilizando embarcações fretadas de carga fracionada e contêineres, que nos permitem obter economias de escala na negociação de frete, armazenamento e seguro para nossos produtos. Exportamos nossos produtos diretamente para nossos clientes finais nos pontos finais de destino, evitando assim incorrer em taxas e outros custos pagáveis a empresas comerciais e demais intermediários. Além disso, nossa rede logística eficiente e flexível nos possibilita vender nossos produtos congelados e refrigerados para vários mercados de exportação em todo o mundo, inclusive na Europa, Oriente Médio, África e Ásia. Nós nos concentramos principalmente nos países em desenvolvimento através de nossos escritórios de vendas localizados na Argélia, Austrália, Chile, China, Egito, Hong Kong, Itália, Líbano, Nova Zelândia, Rússia, Cingapura, Reino Unido e Estados Unidos. Aliás, nossa rede de logística para exportação é capaz de se adaptar para capitalizar as mudanças na demanda resultantes de desdobramentos recentes, incluindo o surto de peste suína africana na China e enchentes na Austrália, que abriram oportunidades para aumentar nossas exportações para esses mercados.

Eficiência e Retorno sobre o Capital

Nossa plataforma de produção, disciplina financeira e planejamento cuidadoso de investimentos para expansão nos permitiram manter nossas altas taxas de capacidade instalada, inclusive durante períodos de significativa expansão de capacidade. Acreditamos que estamos entre as empresas mais eficientes em nosso setor no que diz respeito às taxas de utilização, devido a: (1) aumento das nossas margens operacionais; (2) alta utilização de nossa capacidade de produção, que tipicamente gira entre 70% e 80%; e (3) nosso gerenciamento de capital de giro. Acreditamos que nossa eficiência operacional, juntamente com nossa estratégia de gerenciamento de risco – como exemplificado pelas nossas “Beef Desk” e “Choice Meetings” – poderia resultar em uma maior geração de caixa operacional e caixa líquido por ação.

Diversificação dos Países Consumidores

Exportamos nossos produtos para mais de 100 países, incluindo países da Europa, Oriente Médio, África e Ásia. Nossas vendas nesses países estão focadas em três tipos de clientes: (1) empresas na indústria de processamento de alimentos; (2) empresas do segmento de food service, como serviços de catering, redes de fast-food, restaurantes e hotéis; e (3) clientes de varejo (varejistas de pequeno e médio porte e grandes redes de varejo). Nos mercados emergentes, diversificamos nossa cobertura em termos geográficos e étnicos.

Equipe de Gerenciamento Altamente Experiente

A nossa equipe administrativa tem um histórico de longa data na indústria, com vários líderes experientes para promover o crescimento e maximizar a eficiência e o retorno sobre o capital investido, ao mesmo tempo em que mantém políticas de risco adequadas. Iain Mars, nosso diretor executivo, tem 35 anos de experiência na indústria de proteínas de vários países, incluindo Austrália, Rússia e Brasil, entre outros. O Sr. Eduardo Puzzielo, nosso diretor financeiro, tem mais de 20 anos de experiência trabalhando com investidores e analistas financeiros. Além disso, cada país tem seu “Country Manager”, que supervisiona as operações diárias para administrar a demanda e os preços dos produtos locais e avaliar a estratégia ideal.

Nossa Estratégia

Expandir Nossa Capacidade de Produção de Forma Disciplinada Financeiramente

Ao longo dos últimos anos, investimos na expansão de nossa capacidade de produção e na diversificação do nosso mix de produtos por meio de aquisições seletivas, aumentando nossa capacidade de produção e modernizando todas as nossas plantas. Nossa estratégia de crescimento concentrou-se em maximizar o suprimento de matérias-primas na América do Sul para atender à crescente demanda global. Por exemplo, nossa aquisição dos Novos Ativos do Mercosul aumentou nossa capacidade instalada de abate para 14.500 cabeças por dia, em comparação com nossa capacidade pré-aquisição de 5.400. Temos flexibilidade para ajustar nossa capacidade de utilização com base na mudança da demanda nos mercados doméstico e de exportação de carne bovina nos próximos anos. Realizamos investimentos estratégicos para mitigar riscos e diversificar nosso portfólio, mantendo altos padrões de produtividade, qualidade e segurança alimentar.

Continuaremos a focar na gestão eficiente do nosso capital de giro, gerenciando riscos e gerando fluxo de caixa livre. Também pretendemos alavancar nossa experiência em aquisições para continuar participando da consolidação do mercado de carne bovina da América do Sul sem comprometer nossa estabilidade financeira ou rentabilidade.

Expandir Nossa Base de Clientes Nacionais e Internacionais

Procuramos continuar a fortalecer nossa base de clientes nacionais e internacionais por meio de serviços e qualidade superiores e agregando valor ao nosso processo de distribuição doméstica através do aumento na oferta de nossos próprios produtos e produtos de terceiros.

Acreditamos que existem oportunidades consideráveis para aumentar nossa participação de mercado, tanto nos mercados em que operamos atualmente quanto em diversos mercados com níveis mais altos de consumo de carne bovina, dada nossa habilidade de aumentar a capacidade de produção de carne bovina e as perspectivas favoráveis para o consumo mundial de carne bovina.

Também esperamos aumentar nossa presença nos mercados domésticos da América do Sul, abrindo novos canais de food service e centros de distribuição, o que nos permitiria aumentar nossas vendas de carne in natura e produtos processados.

Maior Eficiência Operacional e Menores Custos Operacionais

Estamos comprometidos em manter nossa posição como um produtor de baixo custo de carne bovina e seus derivados. Implementamos controles internos e sistemas de software de última geração em todas as nossas instalações, a fim de aumentar nossa eficiência operacional geral. Oferecemos remuneração variável aos funcionários com base em maiores taxas de produtividade e capacidade de utilização. Acreditamos que nossa utilização média de capacidade de abate de 77,8% para o ano encerrado em 31 de dezembro de 2018 está entre as mais altas do nosso setor. Pretendemos continuar nos concentrando na manutenção de nossas eficiências operacionais, modernizando nossas plantas, reduzindo nossos custos operacionais, aumentando nossas economias de escala e integrando nossa rede logística.